Alavancagem financeira em criptomoedas

Um dos conceitos essenciais a definir antes de fazeres investimentos financeiros, seja em criptomoedas ou em outro ativo, é a alavancagem a usar.

Esta ferramenta, quando bem usada, pode ajudar-te a ter lucros maiores do que os que virias a ter sem ela. No entanto é importante não se deixar iludir, como iremos ver mais à frente.

O que é a alavancagem?

Alavancagem em trading refere-se à parte de capital numa posição que representa um crédito. Também é conhecido em inglês por margin trading, pois dá uma maior margem ao teu investimento inicial.

Isto é, quando abres uma posição alavancada (compra ou venda), parte do valor dessa posição é emprestado pela corretora ou banco onde realizas as tuas operações financeiras.

Esta ferramenta permite ao investidor abrir posições maiores no mercado, com capitais próprios reduzidos.

Alavancagem

Corretoras que operam com alavancagem em Portugal – autorizadas pela CMVM:

etoro
  • Plataforma de social trading;
  • Marca com boa reputação internacional;
  • Alavancagem de 1:2 em criptomoedas.

xtb-online-trading
  • Alavancagem de 1:2 em criptomoedas;
  • Seminários e webinars

Além destas corretoras legais em Portugal, tens também outras alternativas bastante reconhecidas no mercado das criptomoedas, onde é possível fazer compra e venda alavancada com Bitcoin, tal como a BitMex ou Bitfinex.

Newsletter

Subscreve e fica a par de todas as novidades das criptomoedas!

Como funciona a alavancagem?

Supõe que queres rentabilizar um investimento de 10.000€, usando uma alavancagem de 1:2. Isto significa que cada 1€ investido equivale a 2€.

Logo, assim que abras a tua posição, o capital investido equivale a 20.000€ (10.000€ x 2 = 20.000€).

  • Nota: desses 20.000€, uma metade (10.000€) foi-te emprestado e terá de ser devolvido.
Alavancagem em trading (criptomoedas): cenário 1
Cenário 1: Ações sobem de 100€ para 150€. Alavancagem de 1:2.

Normalmente, a alavancagem tem também associada uma comissão pelo empréstimo do capital. No exemplo acima omitimos isso, de forma a facilitar a compreensão.

O que quer dizer esta tabela?

Supõe que corre tudo bem e o preço da criptomoeda em que investiste sobe de 100€ para os 150€ (um crescimento de 50%).

  • Recebes 30.000€;
  • Subtraindo daí os 10.000€ que correspondiam ao crédito da alavancagem:
    • 30.000 – 10.000 = 20.000€
    • Ficas com 20.000€ para ti!
  • Um retorno de 100% sob o teu investimento inicial.

Sem alavancagem, o retorno do investimento seria de apenas 50%.

Vantagens e desvantagens 

A principal razão pela qual os investidores usam alavancagem é porque lhes permite tirar grandes rentabilidades com pequenas variações nos preços e poucos recursos próprios.

Quando se sabe o que está a fazer, a alavancagem permite ao investidor acelerar os seus ganhos, mesmo que com um investimento inicial pequeno.

Um dos mais conhecidos casos de sucesso chama-se George Soros. Este homem é conhecido como um dos maiores investidores de sempre.

George Soros @ Davos, Suíça (World Economic Forum)

Soros garantiu a sua reputação como gestor de património, assim que reportou lucros superiores a mil milhões de euros (!) com a sua posição de venda – short – na libra esterlina (£). A razão para estes ganhos está no facto de ele ter apostado contra esta moeda durante a “Quarta-feira negra“.

Ficou então conhecido como “O Homem que Quebrou o Banco de Inglaterra”.

“Eu não sou melhor que qualquer outro trader. Apenas sou mais rápido a admitir os meus erros e seguir para a próxima oportunidade”

George Soros

No entanto…

O uso da alavancagem em trading aumenta exponencialmente o risco a que o investidor se sujeita. Tal acontece, uma vez que a margem de manobra que o trader tem sobre movimentações no preço é bastante menor, pois uma variação de 10% no preço do ativo, será ampliada para 20% na vossa posição (no caso de uma alavancagem 1:2).

Da mesma forma que esta ferramenta acelera os ganhos, pelo lado reverso da moeda, ela também leva a perdas maiores quando os mercados não se comportam como prevíamos.

Gif alavancagem
Gif alavancagem

Vejamos novamente a situação acima…

Alavancagem em trading (criptomoedas): cenário 2
Cenário 2: Ações descem de 100€ para 50€. Alavancagem de 1:2.

Como assim?

Se ao invés de crescer, a criptomoeda desvalorizar 50€, o resultado será, literalmente, o inverso da moeda!

  • Dos 20.000€ iniciais, sobram com 10.000€;
  • Esses 10.000€ restantes têm de ser devolvidos, pois correspondem ao empréstimo inicial;
  • Ficarias com 0€.

Sem alavancagem nesta situação, terias perdido apenas 50% do teu investimento: de 10.000€ para 5.000€

  • Importante: a alavancagem é um crédito cedido pela corretora; na pior das situações poderás ficar em dívida para com a mesma.

Guia de uso da alavancagem

Tendo em vista o sucesso financeiro dos nossos leitores, o nosso conselho no que toca a esta ferramenta é sempre o mesmo:

Para um investidor iniciante, o aconselhável é EVITAR a alavancagem. Esta funcionalidade, embora bastante útil, só deve ser usada por quem já sabe o que faz!

É verdade que “quem não arrisca, não petisca” mas…

Recomendamos que comeces primeiro a operar as tuas posições de compra e/ou venda sem sequer pensar na alavancagem. Só quando começares a ganhar mais confiança deves começar a «molhar o pé na água», experimentando com alavancagens pequenas de 1:2 ou 1:3.

É importante analisar os resultados e definir uma estratégia que ponha de parte as emoções ao longo do teu percurso no trading.

A maioria dos traders de sucesso leva vários meses até conseguir definir uma estratégia alavancada lucrativa.

Alavancagem em investimentos é um conceito complexo. Como tal, quanto maior for o conhecimento e a prática, maiores serão as probabilidades de sucesso.

Bons investimentos 🙂


✓ Regulada pela CMVM
✓ Contratos Compra/Venda
✓ 25 criptomoedas



✓ Exchange popular
✓ BTC; ETH; XRP
✓ Social Trading




Adicionar um comentário