Como Usar o Fibonacci Retracement no Preço das Criptomoedas?

Por vezes encontramos explicações lógicas onde menos esperamos.

Porque é a casca do caracol em espiral?

Como em tudo, há um motivo.

Neste artigo falamos sobre o Rácio de Ouro e a sua origem – a Sequência de Fibonacci.

Este rácio pode ser utilizado para encontrar padrões não só na natureza, mas também nos mercados financeiros, recorrendo para isso ao Fibonacci Retracement.

Se análise técnica é um tema que te interessa, apresentamos-te uma ferramenta utilizada por investidores experientes e que te pode ajudar a levar o teu trading para o nível seguinte.

Utilizada em conjunto com outros indicadores, pode ser uma excelente forma de te ajudar a definir momentos de compra e venda no mercado das criptomoedas.

1. O Que É a Sequência de Fibonacci?

Esta sequência foi primeiramente apresentada por Leonardo Bonacci, também conhecido como Fibonacci, um matemático italiano responsável pela introdução da numeração hindu-árabe na Europa Ocidental em 1202, altura até à qual era utilizado o sistema romano.

Isto diz-te alguma coisa?

Senão, esta ideia certamente dirá – Fibonacci é conhecido por muitos pelo papel que teve no cálculo do crescimento de uma população de coelhos.

Sequência de Fibonacci - Coelhos
Crescimento de uma população de coelhos de acordo com a sequência de Fibonacci.

Recorrendo à matemática, Fibonacci percebeu que existia um padrão que poderia ser utilizado para prever comportamentos futuros.

Na prática, falamos de uma sequência infinita que corresponde a:

0, 1, 1, 2, 3, 5, 8, 13, 21, 34, 55, 89, 144, 233, 377, 610, 987, 1597, 2584, …

Assim sendo, podes ver que:

Um determinado número é sempre a soma dos dois anteriores da sequência.

A representação gráfica da Sequência de Fibonacci é uma espiral perfeita, transformando estes números em quadrados e dispondo-os numa forma geométrica:

espiral números de Fibonacci e rácio de ouro

Ora, o que faz lembrar esta forma?

Precisamente a de um caracol – cada nova secção da sua casca possui a extensão da soma das duas secções anteriores, tal como na sequência de Fibonacci.

Caracol espiral Fibonacci

Isto acontece porque o seu corpo utiliza menos energia para criar uma casca em espiral do que noutro formato qualquer.

As aplicações são inúmeras, e vão desde a natureza, a diversas formas de arte, nas quais muitos artistas procuram utilizar este ideal de proporção.

Piet Mondrian Fibonacci
Tela de Piet Mondrian que utiliza os princípios da sequência de Fibonacci.

2. O Que É o Rácio de Ouro?

Intimamente ligado à Sequência de Fibonacci está o Rácio de Ouro.

Mas o que é isso?

Mais do que a própria Sequência de Fibonacci, o uso do Rácio de Ouro pode ser central nos mercados financeiros, onde é utilizado há mais de um século.

Complicando um pouco:

Phi e rácio de ouro

O Rácio Dourado, também conhecido como Proporção Áurea ou Proporção Divina, existe quando uma linha é dividida em duas partes e a parte mais longa (a) dividida pela parte menor (b) é igual à soma de (a) + (b) dividida por (a), resultando em 1,618.

Descomplicando, o mais importante é que:

Se dividirmos cada número da sequência de Fibonacci pelo anterior, à medida que a sequência avança, vamos obtendo números cada vez mais próximos de 1,618.

Este valor representa um ideal de proporção, à imagem da Sequência de Fibonacci.

Por exemplo:

Se for feito um inquérito à população sobre duas opções neutras, os resultados tendem a mostrar uma proporção de 62% para 38% entre opções e não de 50-50.

O mesmo padrão sequencial pode ser observado em inúmeros exemplos na natureza:

Fibonacci na natureza

Em resumo:

De uma forma por vezes irracional, há uma tendência pela busca da proporcionalidade na natureza e esse comportamento pode ser visto também nos mercados financeiros.

3. Números de Fibonacci e o Rácio de Ouro nas Criptomoedas

Se a explicação matemática anterior te passou ao lado não importa, vamos ao que interessa…

O papel do Rácio de Ouro é essencialmente importante para encontrar zonas de suporte ou resistência no gráfico de preço de uma criptomoeda.

Chama-se a isso fazer um Fibonacci Retracement, uma técnica útil e fácil de aplicar num gráfico de preço.

  • Um suporte é um nível a partir do qual se acredita que o preço da criptomoeda encontra estabilidade para não continuar a cair;
  • Uma resistência é uma zona que poderá indicar que não existe uma procura suficiente para o preço continuar a subir.
Linhas de suporte e resistência
Identificação de zonas de suporte/resistência.

Nos mercados financeiros, e no das criptomoedas em concreto, existem 5 principais níveis em que te deverás focar quando usas esta ferramenta:

  • 0;
  • 0,382;
  • 0,5;
  • 0,618;
  • 1.

Estes níveis são utilizados nos mercados como barreiras psicológicas para o comportamento do preço de uma criptomoeda que, como vimos, é influenciado pelo comportamento dos seres humanos que a trocam.

Como podes ver são números baseados no Rácio de Ouro, em que 0,618 é o inverso de 1,618.

Em resumo:

O que vais fazer com este indicador é prever novas linhas de suporte e de resistência a partir da mesma lógica utilizada nos Números de Fibonacci e, mais em concreto, no Rácio de Ouro.

Como é que o vais fazer?

Utilizando uma ferramenta chamada Fibonacci Retracement.

4. Utilizar o Fibonacci Retracement

Não te preocupes!

Para usares o Rácio de Ouro nos mercados não terás de fazer contas ou andar de régua e esquadro em frente ao monitor.

Provavelmente já conhecerás o TradingView, uma útil plataforma para análise de gráficos de preço, que te dá ainda acesso a uma série de indicadores grátis.

Embora existam várias ferramentas inspiradas na Sequência de Fibonacci, a Fibonacci Retracement é provavelmente a mais popular.

4.1 Como posicionar o início e o fim do Fibonacci Retracement?

Utilizando o TradingView, o primeiro passo é selecionar a Fib Retracement no menu à esquerda.

Selecionar Fib Retracement no TradingView
Passo 1 – Selecionar ferramenta.

A partir daqui, deverás posicionar:

  • Ponto A – A zona do gráfico a partir da qual queres iniciar a tua análise, que deverá ser 1) no início da subida ou 2) no ponto que a subida é confirmada (depois de 3 velas verdes, por exemplo);
  • Ponto B – Na zona do gráfico em que pretendes terminar a tua análise, sendo que este ponto deverá ser colocado à altura do valor máximo que o preço atingiu.

Para perceberes melhor, vê o exemplo abaixo:

Definir pontos de análise com Fib Retracement
Passo 2 – Escolher período de análise, escolhendo pontos A e B.

A ferramenta vai desde logo criar uma série de linhas horizontais que definem os principais níveis de Fibonacci que referimos anteriormente, sendo o mais relevante o 0,618.

Se seguiste estes passos, já terás o Rácio de Ouro aplicado no período que decidiste analisar.

Agora, resta tirar conclusões.

Fibonacci Retracement - Suportes da BTC
Passo 3 – Identificar possíveis linhas de suporte e resistência. No gráfico acima estão assinalados 3 pontos baixos próximos da mesma linha de suporte.

No exemplo acima, um gráfico da evolução do preço de Bitcoin, poderás ver que por 3 vezes foi encontrado um suporte no nível 0,618, o mais importante neste tipo de análise.

Abaixo mostramos-te mais um exemplo, desta vez uma análise do preço da Ethereum.

Linha de suporte num Gráfico ETH através do Fiboncacci Retracement

O mais surpreendente é que, ao utilizares esta ferramenta, perceberás que não raras vezes são criados suportes e resistências precisamente nestes níveis. São vários os casos em que verás isto acontecer.

💡 Embora o nível 0,61 seja o mais emblemático, também deves estar atento aos outros. É comum ver-se o preço “reagir” de alguma forma aos níveis do Fibonacci Reatrecement!

5. Conclusão

Por esta altura estarás a questionar-te:

Mas isto funciona?

Uma vez que é baseada no comportamento humano, e encontra paralelo em tantas áreas da natureza, a resposta é sim.

Vale a pena lembrar que é uma ferramenta utilizada desde os primórdios dos mercados financeiros e, fora deles, muito antes disso.

Além disso, esta ferramenta cai dentro do conjunto de profecias auto concretizáveis:

Se muitos traders se estiverem a basear nestes indicadores para definirem movimentos de compra/venda, existe a chance do movimento no sentido esperado acabar por acontecer, nem que seja porque eles próprios o provocaram.

A grande dica aqui é uma que temos vindo a repetir constantemente:

💡 Recomendamos que as decisões de compra e venda não se baseiem apenas num indicador. Estes indicadores servem como pistas para que tenhas mais confiança nos teus timings de entrada no mercado.

O Fibonacci Retracement deve ser utilizado em conjunto com outras ferramentas de análise técnica.

Desta forma estarás mais preparado para tornar a incerteza dos mercados em confiança.

Como sabes, certezas é muito difícil de garantir, portanto quanto mais bem preparado estiveres, melhor.



Adicionar um comentário